A+ A-

Mundo Esportivo


Mundo Esportivo - 19/04/2017    Comentar   Facebook
Fechar

Comentar

Atlético fecha 2016 com saldo positivo, após 23 anos em déficit

Capa

Se, por um lado, o ano de 2016 do Atlético foi abaixo das expectativas para muitos, já que o time cheio de estrelas não conseguiu conquistar nenhum título, pelo ponto de vista das finanças, o Galo alcançou uma vitória relevante.

O clube alvinegro conseguiu fechar as contas com saldo positivo após 23 anos em déficit. De um prejuízo de R$ 11,9 milhões no balanço de 2015, o Atlético fechou as contas do ano passado com saldo de R$ 2,1 milhões.

O lucro alvinegro foi possível mesmo com o aumento da folha salarial, que saltou de R$ 116.545.268,00 em 2015 para R$ 233.579.181,00 em 2016. A dívida fiscal do clube, que está no Profut, no valor de R$ 30,3 milhões, também foi considerada.

Embora não tenha lucrado com premiações por títulos em 2016 – o Atlético foi vice-campeão do Mineiro e da Copa do Brasil, e terminou o Campeonato Brasileiro em quarto lugar, classificando à fase de grupos da Libertadores 2017 -, o time mineiro aumentou seu faturamento com receita dos direitos de transmissão e imagem. Em 2015, o Galo recebeu R$ 113.721.233,00, já no ano passado, R$ 128.998.629,00.

Outra fonte de renda do Galo em 2016 foi com venda de jogadores, quando negociou o zagueiro Jemerson com o Monaco-FRA, o lateral-esquerdo Douglas Santos com o Hamburgo-ALE, além dos meias Giovanni Augusto e Guilherme, com o Corinthians.

Na próxima segunda-feira, haverá reunião na Sede do Galo, às 19h30, quando o balanço anual será apresentado e analisado pelos do Conselho Deliberativo do clube.

Otempo